Foto: Lucas Lima

ad

[dropcap color=”#dd3333″]N[/dropcap]a tarde de segunda-feira (08) a Polícia Civil de Umuarama realizou a apreensão de uma carga de botijões de gás roubados e realizou a prisão de duas pessoas em flagrante.

De acordo com o delegado Fernando Ernandes Martins, entre 80 e 100 botijões foram encontrados na empresa e em uma residência – a carga estava sendo contabilizada. A casa é do pai do proprietário do comércio e ambos foram presos em flagrante por crime de receptação qualificada pela aquisição da carga sem nota fiscal. O delegado explicou que a residência era utilizada como depósito da empresa.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Martins informou que os detidos não souberam identificar quem vendeu a carga. “Eles disseram que a pessoa que revendeu os botijões informou que iria entregar a nota fiscal no dia seguinte”, disse. O empresário local não tinham concessão para venda desta marca.

O delegado explicou que a polícia ainda não tem identificação de quem está comercializando o produto em Umuarama e nem de quem roubou a carga em Campo Largo. Martins disse que há informações de que o restante da carga roubada pode estar sendo distribuído na região.

A denúncia partiu de uma pessoa de Campo Largo. “Alguém ficou sabendo que os botijões estavam aqui e denunciou de forma anônima”, disse Martins.

A revenda autorizada da marca apreendida auxiliará a polícia no transporte dos botijões. O material não apresenta adulteração.

Os dois detidos, que não tiveram seus nomes divulgados, devem permanecer presos até que o juiz decida se eles serão liberados ou não.

Portal Guaíra com informações do OBemdito