Umuarama News

ad

[dropcap color=”#dd3333″]U[/dropcap]ma família fez o velório e sepultamento do gato de estimação no Cemitério Municipal de Umuarama, no último domingo (27).

O caso gerou polêmica pelo fato do gato não ter sido enterrado em um local específico para animais.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

De acordo com o diretor da Administração dos Cemitérios e Serviços Funerários de Londrina Geral (ACESF), Vicente Fernandes Rezende, não existe lei que proíbe esse tipo de sepultamento, e garantiu que nenhum funcionário foi utilizado no enterro.

A proprietária do animal comprou um caixão de tamanho de criança, levou para o cemitério já lacrado, contratou uma pessoa terceirizada para enterrar o animal.

Rezende afirmou ainda que a ACESF não teve nenhum envolvimento com o sepultamento.

Portal Guaíra com informações do Correio do Umuarama News