Dois caminhoneiros foram feitos reféns por mais de 24 horas na cidade de Umuarama. Os criminosos obrigaram os indivíduos a ingerir uma substância, que devido ao forte cheiro, suspeita-se que tenha sido etanol, e a realizar transferências via PIX.

As vítimas, que não se conheciam, são de Francisco Beltrão, no Paraná, e Iporã do Oeste, em Santa Catarina. Por meio de um aplicativo de fretes, os homens receberam uma proposta para realizar o transporte de rações e foram atraídos até a cidade de Umuarama.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Ao chegarem no local, a dupla foi abordada pelos criminosos, que os levaram até uma casa, onde ficaram mantidos em cativeiro. As vítimas foram obrigadas a ingerir uma substância, possivelmente etanol, que causou embriaguez e queimaduras. Sob ameaças dos bandidos, também tiveram que realizar transferências via PIX.

Ao amanhecer, os dois homens caminharam até a Estrada Dias, onde pediram ajuda para a população do local, que acionou a polícia. Um dos caminhões roubados tem rastreador e indicou a localização do veículo em Mundo Novo, no Mato Grosso do Sul.

Portal Guaíra com informações da RIC Mais