Vinícius André de Almeida Souza, 23, conhecido como VinicinhO (foto: Goionews)
ad

Investigadores do setor de homicídios, com apoio do Grupo de Diligências Especiais da Polícia Civil de Umuarama concluíram a investigação da morte do sargento da Polícia Militar Marcos Pereira de Lima, que morreu na tarde do dia 3 de fevereiro de 2015 com um tiro na cabeça, enquanto dormia no interior de sua residência, localizada no Distrito de Serra dos Dourados.

Conforme o delegado Fernando Ernandes Martins, que coordenou as investigações, o desfecho do caso aconteceu com a prisão de Vinícius André de Almeida Souza, 23, conhecido como Vinicinho, que teria sido o autor do disparo que matou o policial.

Vinicinho teria cometido o crime a pedido de Iracema Guidi de Lima, esposa do sargento, que lhe prometeu o pagamento da importância de R$ 50 mil para que seu esposo fosse morto.

Ainda conforme o delegado, as diligências apontam que “Vinicinho” ficou com a arma do sargento como parte do pagamento. Iracema Guidi de Lima, esposa do sargento, já se encontra presa desde o dia 4 de março, em virtude de mandado de prisão temporário.

A prisão de Vinícius foi expedida pelo juízo criminal de Umuarama pelo prazo de 30 dias, prorrogáveis por igual período, sendo que ao final o delegado pode representar pela prisão preventiva.

Na mesma operação, os policiais civis também detiveram a pessoa de Vinícius Lucas Venâncio de Souza, mais conhecido como “Cara Branca”, que teria dado fuga a Vinícius depois do crime. Ele foi interrogado e liberado. Seu veículo, um GM/Corsa de cor prata, com placas AEY 4712 e que teria sido usado para transportar Vinícius de Serra dos Dourados até Umuarama, também foi apreendido.

“As investigações estão quase no final, mas já podemos afirmar a participação de Iracema e Vinícius André como envolvidos diretamente no crime, sendo que Vinícius executou e Iracema franqueou acesso ao interior da casa. Já Vinícius Lucas participou dando fuga ao autor do crime. Entretanto, ainda iremos investigar a participação de outra pessoa, que manteremos o nome em sigilo para não atrapalhar as investigações” finalizou o delegado.

Vinícius André de Almeida Souza, 23, conhecido como VinicinhO (foto: Goionews)
Vinícius André de Almeida Souza, 23, conhecido como Vinicinho (foto: Goionews)

Portal Guaíra com informações de Goionews


CLINICA SALUTAR