O Governo do Estado e o Ministério do Trabalho e Emprego irão oferecer em Guaíra 60 vagas de qualificação por meio do Programa Projovem Trabalhador – Juventude Cidadã.

As 60 vagas disponibilizadas para Guaíra serão distribuídas nas áreas de administração (20 vagas), saúde (20 vagas) e turismo e hospitalidade (20 vagas). A escolha dos cursos contempla a realidade local e levou em conta uma necessidade regional de capacitação.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------
Evaldo José Mendes, gerente da Agência do Trabalhador de Guaíra
Evaldo José Mendes, gerente da Agência do Trabalhador de Guaíra

De acordo com o gerente da Agência do Trabalhador, Evaldo José Mendes, ainda existem vagas, mas o candidato não pode perder tempo. “Restam poucas vagas e a tendência é a procura aumentar. O brasileiro infelizmente deixa tudo para a última hora. Não dá para perder essa oportunidade”, alerta.

Segundo o secretário de estado do Trabalho, Luiz Claudio Romanelli, os municípios contemplados foram selecionados segundo indicadores de desenvolvimento econômico, social e populacional.

Para o prefeito Fabian Vendruscolo, esta é uma boa oportunidade para quem precisa de qualificação profissional e está desempregado. “Os programas de qualificação são importantes e a prefeitura de Guaíra não medirá esforços para trazer muitas novidades para os guairenses. Este programa governamental é muito interessante e com certeza o município é parceiro no projeto. É uma boa oportunidade para quem precisa se qualificar”, afirmou.

Seleção

O participante terá mensalmente o auxílio financeiro no valor de R$ 100 durante seis meses. O pagamento é condicionado à frequência mínima de 75% nas atividades do mês. Do total das vagas oferecidas, 10% serão destinadas a pessoas com deficiência não impeditiva ao exercício da atividade laboral.

Além de ter entre 18 e 29 anos completos até a data da inscrição, o candidato deve estar desempregado; ser membro de família com renda mensal per capita de até um salário mínimo; estar frequentando (ou ter concluído) o ensino fundamental ou médio e não estar cursando (ou ter concluído) o ensino superior.

Além do auxílio financeiro, os alunos terão direito a lanche, transporte, kit estudantil (mochila, estojo, caderno, lápis, borracha e caneta), material didático e a duas camisetas com a identificação do programa.

Os interessados devem apresentar o original e a fotocópia dos seguintes documentos: RG; CPF; Título de Eleitor (quando for o caso, comprovante de quitação das obrigações); Programa de Inclusão Social – PIS/NIS; Comprovante de escolaridade e Comprovante de Renda.

Em Guaíra, as inscrições estão sendo realizadas na Agência do Trabalhador, na Praça João XXIII, centro. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (44) 3642-1120.

As aulas iniciam no dia 04 de março, na Escola do Trabalho.

Fonte: Assessoria