Pertences de Tatiane encontrados pela polícia

O Corpo de Bombeiros de Campo Mourão/PR resgatou na tarde de sexta-feira (13), mais um braço e antebraço que seriam da jovem Tatiane Jezualdo, 25 anos, durante buscas no Rio Carajás, a 17 km de Ubiratã/PR. O tronco, separado da cabeça e membros, já havia sido localizado na quinta (12) e está no IML (Instituto Médico Legal) de Campo Mourão. O pai de Tatiane não teria dúvidas de que o corpo pertence à sua filha.

Mesmo assim a confirmação só poderá ser feita após o resultado de um exame de DNA que ficará pronto em até um mês. O homem acusado do crime foi preso no início da semana e identificado por A. O., 28 anos. Ele era colega de trabalho da jovem e a seqüestrou no dia 3 deste mês, quando ela saiu de casa para trabalhar.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Sem desconfiar das intenções do criminoso, ela entrou em seu carro para pegar um carona até a empresa onde ambos trabalhavam. Ao ser preso, A. O., disse que Tatiane morreu por fatalidade, de ataque cardíaco. No entanto, após o aparecimento do corpo ele admitiu ter esquartejado a vítima e jogado as partes no Rio Carajás, próximo a um sítio onde seus pais já moraram.

O Corpo de Bombeiros mantém as buscas no local, com auxílio de vários outros voluntários. “Nossa equipe está fazendo uma varredura no fundo do rio e foi assim que encontramos mais essas duas partes do corpo da vítima. As buscas continuam, pois acreditamos que as outras partes do corpo não vão flutuar, por isso o trabalho precisa ser bastante minucioso no fundo do rio”, diz o capitão Leandro Calegari, comandante do Corpo de Bombeiros de Campo Mourão.

Pertences de Tatiane encontrados pela polícia
Pertences de Tatiane encontrados pela polícia

Fonte: Jornal Itribuna