Uma tentativa de estupro foi registrada nesta terça (07), tendo como vítima, uma menina de 11 anos, que foi abordada por um indivíduo que a conduziu para o mato logo após a garota sair do colégio, no Jardim Gisella em Toledo.

O crime só não foi consumado, porque a menina gritou por socorro e populares detiveram no local o elemento Jefersson Floriano, de 29 anos, que logo em seguida foi detido pela Polícia Militar.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Policiais apuraram que ele já havia feito uma espécie de carta ou bilhete e enviado para outra estudante em Toledo, o qual teria sido postado na rede social.

estuprador-rosto2

Jefersson informou que foi detido acusado de um assalto numa farmácia, no final do ano passado, em Foz do Iguaçu e que estava em Toledo a cerca de três meses.

Um episódio envolvendo o mesmo indivíduo foi registrado há algumas semanas, quando ele teria encomendado uma pizza numa pizzaria da região da Vila Operária – também em Toledo, para a proprietária e pediu que a mesma fosse entregar, pois ele estava residindo com o pai a poucos metros da referida pizzaria.

Com medo a mulher não foi, mas o marido dela foi e ao entregar a pizza, o homem se deparou com Jefersson se masturbando.

A Tentativa de estupro
O detido negou a acusação e disse que a menina concordou em ir conversar com ele num local ermo. “Eu encontrei a garota pela manhã indo para o colégio e perguntei se ela namorava e ela falou que estava ficando com um menino. Ai eu disse que a gente precisava se conhecer e ela falou que saía do colégio às 11h45min e que eu podia esperar ela. Eu fui no horário combinado e a gente seguiu em direção a um campo de futebol que tem lá próximo da Assermuto e ela foi comigo, não forcei ela a ir, não beijei, não fiz nada. Quando a gente chegou no meio do campo,surgiu um homem e pediu onde eu tava indo com a menina e ai ela disse que não queria vir e eu tava forçando ela. Nisso o cara disse que eu teria que esperar a polícia, eu disse que não, mas outros chegaram e me imobilizaram até que a PM chegou e me prendeu. Eu não fiz nada com ela e nem iria fazer, só iríamos conversar.” Declarou o acusado.

estuprador-rosto

A versão da menina foi diferente. Ela disse que pela manhã estava indo para a escola, quando foi abordada pelo acusado. “Ele me abordou de manhã cedo, pediu que série e eu estudava, se eu já tinha feito sexo e que colégio eu estudava. Ai eu só respondi a série e continuei andando e ele pegou eu e me agarrou e tentou me beijar. Eu fui tentando sair para ele não me abordar e comecei a correr e ele me abordou e me beijou e disse que no final da aula ia me esperar. Eu tentei avisar a diretora, mas na hora ela não estava lá e ficou assim. No final da aula eu fui embora e ela tava na esquina e então eu voltei e fui por outra rua, mas ele começou a me seguir e ele me entregou uma carta e nisso começou a me puxar para um lugar e eu comecei a gritar por socorro e ele me forçou a ficar quieta e ai me levou até o mato e nisso chegou o pessoal e abordou ele. Ele ainda disse que eu era vida loka e que eu iria me apaixonar por ele. Nunca tinha visto ele e se não fosse as pessoas que lá chegaram, o pior poderia acontecer comigo.” Disse a menor.

estuprador3

O pai da menor acompanhou a entrevista e relatou que “eu fico triste com isso, porque você cria uma filha com tanto amor e um cara desses vem fazer uma coisas dessas. Eu na verdade nem estou em condições e falar, estou chocado e dei graças à Deus que a polícia pegou ele antes de mim, porque eu não sei o que teria feito com um cara desses, que encostou a boca nojenta dele na minha filha. Eu quase sempre busco minha filha no colégio, mas como meu carro deu problema na bateria, ela foi e voltou sozinha. Eu já estava no meu serviço meio preocupado, parece que eu estava adivinhando algo errado que estaria ocorrendo com ela. Graças a Deus que esses vizinhos do local viram a situação e ajudaram. Eles foram uns anjos na minha vida e na vida da minha filha, porque acredito que se não fosse eles eu nem teria mais a minha filha, com certeza. Eu acredito que ele iria fazer o que pretendia e depois ia matar a minha filha. Pelo que me falaram ele já tem passagem pela polícia, espero que agora ele possa responder por este crime e quero acreditar que justiça será feita. É o que eu peço e o que espero que aconteça, porque para mim esse cara é um psicopata.” Comentou abalado o pai da menina.

estuprador

Fonte: Radar B.O
Fotos: Bogoni