Deputado mais votado no país em 2010, o humorista quer voltar a ser só palhaço.

Desiludido com a política, ele disse ao jornal “Folha de São Paulo” que não disputará mais eleições e, terminado seu mandato, em fevereiro de 2015, irá se desfiliar do PR.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Na metade da legislatura, Tiririca, que se elegeu com a promessa de descobrir o que faz um deputado, disse que já entendeu que “não dá para fazer muita coisa”.

A justificativa é a falta de tempo para se dedicar ao que mais gosta: fazer shows (que lhe rendem mais dinheiro do que a Câmara).

“Eu sou artista popular. Aqui me prende muito. A procura pelos shows é enorme e não dá para fazer”, afirma Tiririca.