faxineiroA polícia prendeu esta semana no Rio de Janeiro, um faxineiro suspeito de gravar com um celular, as alunas de uma escola tradicional da Urca no banheiro.

Segundo a Secretaria de Estado de Segurança Pública, com informações da 10ª Delegacia de Polícia (DP, em Botafogo), Marco Antônio Souza Santos, 31 anos, que trabalhava havia 10 meses como faxineiro na escola, colocou o telefone em uma lixeira, onde foi encontrado por uma aluna.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Conforme a secretaria, ele conseguiu gravar duas jovens, de 13 e 14 anos. Ele foi preso em flagrante suspeito de pedofilia. Na casa dele, em Nova Iguaçu, a polícia apreendeu um computador e três pen drives.

Fonte: Terra