DELEGACIA-BOTUCATU-SPUma criança de 8 anos é suspeita de passar mais de 5 mil trotes telefônicos na central de atendimento de ocorrências da Polícia Militar, em Botucatu/SP.

De acordo com informações da PM, em cinco meses foram registradas 5.657 ligações de um celular que foi apreendido com a menina na última terça-feira (21).

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

A polícia já monitorava o número do celular que constantemente fazia ligações ao Centro de Operações da Polícia. “Na terça-feira, uma atendente segurou a menina na linha até que uma viatura chegasse ao local. Ela foi encontrada na Praça da Juventude, local de onde passava os trotes”, informou o sargento da PM Adriano Arruda ao G1.

Conforme as investigações, a menina solicitava viaturas da polícia para atender ocorrências falsas, como informação de furtos e pedidos de socorro. “Ela ligava e pedia ajuda. Esse tipo de ocorrência é muito complicada porque os carros que estão mobilizados poderiam estar atendendo situações graves”, ressalta o sargento.

A criança, acompanhada da avó, foi encaminhada para a Delegacia de Defesa da Mulher de Botucatu, onde foi ouvida e liberada.

Segundo a polícia, o Copom de Botucatu atende outras oito cidades da região pelo 190. Por dia, o serviço recebe entre 400 e 500 ligações sendo que, em média, 20% delas são trotes. Em caso de condenação (adultos), o responsável pelo trote poderá receber pena de detenção de 1 a 6 meses ou pagamento de multa. Já no caso de ser crianças e adolescentes, o caso é encaminhado para a Vara da Infância e Juventude.

Fonte: G1