[dropcap color=”#dd3333″]U[/dropcap]ma ossada humana foi encontrada no fim da tarde de segunda-feira (4), em meio a reserva ambiental de Itaipu, a cerca de 300 metros ao norte do atracadouro da praia velha, em Santa Helena.

A ossada foi encontrada por um homem que procurava limão em meio a mata e se deparou com os ossos. Porém a polícia foi informada só por volta do meio dia desta terça-feira (5).

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Para ocultar o corpo o criminoso fez uma cova rasa e cobriu com terra.

Junto aos ossos estavam uma joelheira e pedaços de roupa e a poucos metros do local, foram encontrados dois tênis e uma meia, que Cleide Fontes, mãe de Estefani Barbosa, afirma serem de sua filha, que está desaparecida desde a noite do dia 23 de agosto de 2018.

As polícias Militar e Civil estão no local, que é de difícil acesso e precisou ser isolado até a chegada do IML de Toledo e Criminalística de Foz do Iguaçu.

De acordo com informações, os restos mortais serão encaminhados para perícia e apesar das fortes evidências, o reconhecimento do corpo deverá ser feito através de exame de DNA.

O CASO
A adolescente de 16 anos Estefani Barbosa desapareceu no dia 23 de agosto de 2018, em Santa Helena. A jovem teria saído para ir a um treino de vôlei no ginásio de Esportes do Bairro São Luiz. Populares chegaram a encontrar pertences da menina em um milharal. A mochila, caderno e também roupas da jovem foram encontrados, e reconhecidos pela família.

Portal Guaíra com informações do Correio do Lago