O atacante Neymar se tornou a principal preocupação da seleção brasileira para o amistoso de sábado, às 8h (de Brasília), contra a Coreia do Sul, no World Cup Stadium, em Seul. No treino de ontem (9), o astro do Barcelona levou uma pancada no quadril, atingido pelo volante Hernanes, e deixou o gramado sentindo dores.

Neymar se contorce no gramado, observado por Dedé e Hernanes (Foto: Bruno Domingos / MOWA PRESS)
Neymar se contorce no gramado, observado por Dedé e Hernanes (Foto: Bruno Domingos / MOWA PRESS)

O jogador saiu observado pelo médico Edilson Thiele, do Atlético-PR, e pelo massagista Deni. O camisa 10 deixou o gramado e será reavaliado pelo departamento médico para saber se terá condições de atuar no fim de semana. Após a saída de Neymar, Felipão deu prosseguimento à atividade com nove jogadores em cada time: Hulk passou a ser titular.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

No início do treino, o comandante escalou a equipe titular com a seguinte formação: Jefferson, Daniel Alves, David Luiz, Dante e Marcelo; Luiz Gustavo, Paulinho, Ramires e Oscar; Neymar e Jô. A novidade foi a alteração do esquema tático, com a entrada de Ramires.

Com o jogador do Chelsea em campo, o Brasil passou a treinar com três volantes e apenas dois atacantes. Esquema bem diferente do que foi utilizado por Felipão na Copa das Confederações. O time reserva foi completado com um atleta sub-20 da seleção coreana e foi o seguinte: Diego Cavalieri, Kim Yong Kwan, Henrique, Dedé e Maxwell; Lucas Leiva, Hernanes e Lucas; Hulk, Bernard e Pato.

O craque do Barça deixa o treino após a pancada recebida (Foto: Bruno Domingos / MOWA PRESS)
O craque do Barça deixa o treino após a pancada recebida (Foto: Bruno Domingos / MOWA PRESS)

Orientações e correção de posicionamento

Felipão orientou o time titular em várias oportunidades, corrigindo o posicionamento do meio de campo. Em dado momento, Luiz Gustavo acabou fazendo uma falta mais dura em Hulk, que reclamou do companheiro. Dante também errou o tempo e acertou o jogador do Zenit. O treinamento prosseguiu normalmente após as duas infrações.

Até a saída de Neymar, os titulares estavam vencendo os suplentes por 3 a 0. O camisa 10 marcou uma vez ao tocar por cima de Diego Cavaliei. Os outros gols foram marcados por Dante e Jô.

O confronto entre Brasil e Coreia do Sul será transmitido ao vivo pela TV Globo, Sportv e GLOBOESPORTE.COM. O site também acompanha a partida em Tempo Real.

Fonte: Globo Esporte