Paulinho e Tio Luiz, como eram conhecidos, foram presos na Argentina (foto: divulgação)

Contando com apoio da Polícia argentina, dois bandidos de alta periculosidade, com mandados de prisão expedidos pela Justiça de Guaíra/PR, foram presos na última terça-feira (7), em Bernardo de Irigoyen/Argentina.

Eles se encontram recolhidos atrás das grades na Unidade Prisional de São José do Cedro, em Santa Catarina.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Waldomirio L., vulgo “Tio Luiz”, tem contra sí, mandado de prisão pelo delito de homicídio qualificado; e o filho Paulo Sergio L., conhecido como “Paulinho”, com dois pedidos de prisão em aberto, também por homicídio qualificado.

Contra Paulinho ainda pesa mais um pedido de prisão preventiva pelos crimes de tráfico e associação para o tráfico. Ele foi preso na companhia do pai.

Segundo informações da Polícia Civil de Dionísio Cerqueira, pai e filho integravam uma quadrilha que estava sendo investigada há 9 meses, por tráfico, associação para o tráfico, corrupção de menores, porte ilegal de armas, comercio ilegal de armas, receptação, furtos e outros delitos.

Paulinho e Tio Luiz, como eram conhecidos, foram presos na Argentina (foto: divulgação)
Paulinho e Tio Luiz, como eram conhecidos, foram presos na Argentina (foto: divulgação)

Portal Guaíra com informações da Polícia Civil/Portal Tri