(Foto: Maurício Cattani/NSC TV)

Os corpos de mais três vítimas da enxurrada no Vale do Itajaí foram encontrados em Presidente Getúlio na tarde desta segunda-feira (21), segundo os bombeiros. O Instituto Médico Legal (IML) faz o trabalho de recolhimentos das pessoas achadas e ainda não possuía a identificação delas até a publicação desta notícia. Com isso, o número de vítimas da enxurrada subiu para 20.

As pessoas encontradas nesta segunda são duas mulheres e um homem. Ele e uma das mulheres foram achados no início do bairro Ribeirão Revólver, o mais atingido pela enxurrada.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Com isso o número de vítimas que morreram por causa da enxurrada que atingiu o Vale do Itajaí entre quarta-feira (16) e quinta-feira (17) subiu para 20, sendo 17 em Presidente Getúlio, duas em Rio do Sul e uma em Ibirama.

O relatório da Defesa Civil divulgado às 18h desta segunda reconhece que foram encontrados os três corpos em Presidente Getúlio. Porém, essas vítimas só serão acrescentadas oficialmente quando houver identificação por parte do IML.

A força da água da enxurrada arrastou partes de casas, galhos de árvore e lama. A localidade mais atingida foi o bairro Revólver, em Presidente Getúlio.

Desabrigados e desalojados
De acordo com o relatório mais recente da Defesa Civil, divulgado às 18h desta segunda, em Presidente Getúlio há 147 pessoas desabrigadas e oito desalojadas.

Em Ibirama, são quatro desabrigados e 92 desalojados e em Rio do Sul são 21 desabrigados. Ainda no Vale do Itajaí, há 80 desalojados em Lontras. No Sul do estado, em Siderópolis, há três pessoas desalojadas, segundo a Defesa Civil.

O trabalho de busca dos Bombeiros Voluntários e Militares e cães farejadores continua. Cerca de 100 soldados do Exército também ajudam. Voluntários trabalham em casas e ruas atingidas pela lama.

Também nesta segunda, a Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil reconheceu estado de calamidade pública em Presidente Getúlio, Rio do Sul e Ibirama.

Reconhecimento das vítimas
Até o final da noite de domingo (20) o Instituto Geral de Perícias identificou 17 vítimas. De acordo com a entidade, os corpos estão sendo reconhecidos pela digital recolhida pela equipe de papiloscopistas. Veja a lista:

  1. Pâmela Tais Miranda, 19 anos, natural de Blumenau.
  2. Francieli Hamm Wiese, 34 anos, natural de Ituporanga.
  3. uma criança, cuja identidade não será divulgada em respeito ao Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA)
  4. Vera Kloth, 48 anos, natural de Presidente Getúlio
  5. Alexia Correa do Nascimento, 19 anos, natural de Brusque
  6. Daniel Wiese, 44 anos, natural de Presidente Getúlio
  7. Dieter Wiese, 50 anos, natural de Presidente Getúlio
  8. Elsa Hilma Wiese, 82 anos, natural de Presidente Getúlio
  9. Lourdes Sehnem, 57 anos, natural de Presidente Getúlio
  10. Lino Leopoldo Sehnem, 89 anos, natural de Imaruí
  11. Andrei Rangel Bozan, 28 anos, natural de Presidente Getúlio
  12. José Scaravonatto, 44 anos, natural de Rodeio Bonito/RS. Corpo foi localizado em Ibirama.
  13. Bruna Ruseler Bozan, 27 anos, natural de Presidente Getúlio, localizada em Presidente Getúlio.
  14. Aldo Cava, 67 anos, natural de Rio do Sul, localizado em Rio do Sul.
  15. Eduvina Vicentin, 79 anos, natural de Rio do Sul, vítima localizada em Rio do Sul.
  16. Lucilla Erhardt Sehnem, 83 anos, natural de Imaruí/SC, localizada em Presidente Getúlio.
  17. Alice Kloth, 78 anos, natural de Trombudo Central, localizada em Presidente Getúlio.

Portal Guaíra com informações do G1