Duas irmãs, de 5 e 8 anos, foram encontradas mortas e enterradas num banhado da cidade de Novo Horizonte, no Oeste de Santa Catarina, na tarde desta sexta-feira (23). A mãe delas, Neusa Dias Maciel, de 24 anos, também foi encontrada enterrada num banhado ali próximo, na quinta-feira (22). O padrasto foi encontrado morto carbonizado na terça (20).

Conforme o portal ND Mais, As meninas tinham sinais de agressão física, como afundamento do crânio, e foram localizadas num banhado da Linha Mezari, interior de Novo Horizonte. Os corpos estavam próximo da casa onde moravam com a mãe e com o padrasto, Ademar Carneiro, de 33 anos.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Mãe e filhas desapareceram no último sábado (17). Na segunda-feira, o padrasto ligou para a irmã de Neusa, perguntando se ela sabia do paradeiro das três. No dia seguinte, Ademar foi encontrado morto e carbonizado dentro do seu carro, uma Parati, que foi incendiada. Um rifle também estava dentro do carro, todo queimado.

Na quinta-feira, Neusa foi encontrada enterrada num banhado, com sinais de morte violenta.

As meninas não eram filhas de Ademar, mas conforme relato de uma familiar que não quis se identificar, ele as tratava com muito carinho. O casal estava junto há dois anos e parecia que um gostava muito do outro. Não havia brigas entre eles. As investigações estão a cargo da Divisão de Investigação Criminal de Fronteira de São Lourenço do Oeste/SC.

Portal Guaíra com informações da Ric Mais