O boletim semanal da dengue publicado na terça-feira (11) pela Secretaria de Estado da Saúde, registra 1.070 casos confirmados da doença. São 70 a mais que no informe anterior. Os dados são do 9º Informe Epidemiológico, do novo período sazonal da doença, que iniciou no mês de agosto segue até julho de 2023.

Os casos confirmados estão distribuídos por 162 municípios e há, ainda, 3.528 casos em investigação. O boletim não traz novos óbitos confirmados. O Estado permanece com duas mortes registradas neste período, uma no município de Foz do Iguaçu (9ª RS) e outra em Maripá (20ª RS).

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

“O Governo do Paraná segue em alerta e mobilizado contra a dengue, mas além dos nossos esforços, é muito importante o apoio permanente da população para a eliminação dos criadouros do mosquito transmissor da doença. Cerca de 90% dos focos do Aedes aegypti estão em ambiente domiciliar”, alertou o secretário estadual da Saúde, Beto Preto.

INFORME – O boletim traz ainda 38 casos notificados de chikungunya. Desses, 10 já foram descartados e 28 permanecem em investigação. Em relação ao zika vírus, o informe apresenta 10 casos notificados, sendo que 7 estão em investigação e 3 já foram descartados.

Portal Guaíra com informações da AEN