A Polícia federal em Foz do Iguaçu deflagrou na manhã desta quinta-feira (15) a Operação Pacau, visando desarticular um grupo criminoso que vinha atuando a partir da cidade de Itaipulândia/PR, enviando drogas e cigarros contrabandeados do Paraguai para outros Estados da federação.

A investigação teve início há aproximadamente 10 meses e durante este período a Polícia Federal conseguiu identificar diversos criminosos que atuavam no oeste paranaense, recebendo mercadorias ilícitas na barranca do lago Itaipu e providenciando o transporte para outros Estados através de carros e caminhões, usando “batedores” para ludibriar as fiscalizações dos órgãos de segurança pública.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Do decorrer dos trabalhos foram realizadas apreensões de carregamentos de maconha e de cigarros contrabandeados e os responsáveis serão indiciados pelos crimes de tráfico internacional de drogas, contrabando, associação criminosa e associação para o tráfico, após serão apresentados à Justiça para responder pelos seus delitos.

Ao todo 56 policiais foram às ruas para dar cumprimento aos 15 mandados de busca e apreensão e 07 mandados de prisão cautelar expedidos pela Justiça Federal de Foz do Iguaçu.

Outras medidas cautelares como sequestro de veículos, sequestro de ativos financeiros e monitoramento eletrônico com uso de tornozeleira pelos indiciados foram determinadas pela Justiça Federal com base nas investigações.

No cumprimento dos mandados foram encontradas armas, munições e drogas e os responsáveis foram presos em flagrante delito.

O nome dado a Operação policial é uma alusão a alcunha do líder do grupo criminoso preso na data de hoje.

Portal Guaíra com Assessoria