Catve

Lídia de Souza, de 37 anos responderá o crime em liberdade. A condenação resultou em quatro anos, cumprindo a pena em liberdade, mais 1400 horas de trabalhos de serviço a comunidade, além de uma multa de valor de um salário mínimo, que tem o valor atual de R$ 998.

A mulher foi acusada de jogar o bebê recém nascido no Rio Quati, no Bairro XIV de Novembro, no dia 13 de outubro de 2008.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

O juri aconteceu no Fórum de Cascavel, na tarde desta terça-feira (9). Lídia teve a criança em casa, sozinha, e então colocou o bebê em um saco plástico e atirou no rio.

Portal Guaíra com informações da Catve