A Azul Linhas Aéreas divulgou essa semana por meio de sua Assessoria de Imprensa que resolveu suspender por tempo indeterminado os voos do Aeroporto Municipal Luiz Dalcanale Filho, em Toledo. A empresa alega que os motivos seriam problemas econômicos causados pela pandemia mundial do novo Coronavírus (Covid-19).

No entanto o município de Toledo afirma que ainda não recebeu nenhum posicionamento oficial por parte da Azul Linhas Aéreas e ressalta que os voos estão suspensos até o dia 30 de junho e as operações estão previstas para voltarem à normalidade no dia 01º de julho.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

O gestor do Aeroporto Luiz Dalcanale Filho, Luciano Puzzi, reforça o posicionamento do município e diz esperar que a empresa volte a operar no local o quanto antes. “Nós não recebemos nada oficial da Azul. Então como gestor do Aeroporto o que eu posso dizer é que a previsão é de que os voos voltem a operar no dia 01º de julho. Mas de todo modo eu espero que os voos comerciais possam voltar a operar em breve, uma vez que a nossa região tem sofrido menos do que outras com a pandemia, mas isso não depende somente de nós, mas da Azul e de uma série de outros fatores, principalmente ligados a economia”, esclareceu o gestor.

Luciano Puzzi afirmou que o Aeroporto está pronto para voltar a operar quando a Azul entender que seja viável. “O Aeroporto está operando normalmente para voos particulares e se a Azul entender que é viável voltar a operar com os voos comerciais em Toledo, o Aeroporto está apto para isso a partir de amanhã se for necessário”, pontuou Puzzi,

Puzzi complementou, ressaltando que a manutenção aeroportuária, assim como a manutenção dos equipamentos essenciais para a navegação aérea, assim como todo o efetivo administrativo os fiscais de pátio e de pista, agentes de proteção da aviação (APACs), e demais itens necessários para o funcionamento do Aeroporto para a operação de voos comerciais estão em dia.

Mesmo sem voos comerciais por tempo indeterminado isso não deve implicar na certificação do Aeroporto junto a ANAC. “Nossa certificação junto a ANAC continua tendo a validade normalmente. Nossa equipe está mantendo toda a estrutura do Aeroporto para a operação dos voos particulares e para que tudo esteja em pleno funcionamento em caso de novas vistorias da ANAC”, explicou, Luciano puzzi.

Dados

O Aeroporto Luiz Dalcanale Filho voltou a operar para voos comerciais no dia 09 de janeiro de 2019, quando pousou em Toledo a primeira aeronave da Azul Linhas Aéreas vinda de Curitiba e logo em seguida o voo de volta decolou de Toledo para a capital paranaense.

O último dia de operações do Aeroporto com voos comerciais foi em 22 de março. Logo em seguida a Azul cancelou os voos de Toledo por conta da pandemia. Nesse período os números registrados no local foram considerados satisfatórios pela administração.

No período entre pousos e decolagens foram 552 operações realizadas, com 92,9% delas concluídas com sucesso, com mais de 30 mil passageiros embarcando ou desembarcando no município nesse período.

Entre 09 de janeiro de 2019 e 22 de março de 2020 a taxa de ocupação da aeronave entre Toledo e Curitiba foi de 83% e da capital até Toledo foi de 75%. Esse números foram destacados pelo gestor, Luciano Puzzi. “São números de enorme relevância e que ratificam a grande importância do Aeroporto para a cidade de Toledo e região. Tenho certeza que os voos comerciais facilitaram muito a vida dos moradores da região que utilizam esse tipo de transporte, ressaltando que muitos deles foram e vieram a negócios para Toledo, o que demonstra que o Aeroporto contribui enormemente para o avanço de nossa economia”.

Melhorias

Dentro de alguns dias devem iniciar os trabalhos de melhorias na parte elétrica do Aeroporto Luiz Dalcanale Filho. As intervenções compreendem toda a área dos hangares e do terminal de passageiros. Os serviços têm como objetivo principal garantir maior segurança nos locais, assim como gerar economia de energia.

Luciano Puzzi, ainda informou que já está em processo avançado junto ao Governo do Estado as tramitações para a ampliação do terminal de passageiros e do pátio de aeronaves. Sobre as melhorias ele concluiu, ressaltando que serão benéficas para o maior conforto dos usuários do Aeroporto.

“São várias melhorias que tem como objetivo trazer mais conforto para os usuários do espaço. Com essas intervenções vamos garantir mais comodidade e principalmente mais segurança ao nosso público. Por fim devo lembrar que essas melhorias só serão possíveis por intermédio do ex-secretário de Desenvolvimento Econômico, Jozimar Polasso, do prefeito, Lucio de Marchi e do deputado federal, José Carlos Schiavinato”, finalizou, Luciano Puzzi.

História

O Aeroporto Luiz Dalcanale Filho operou pela última vez para voos comerciais no ano de 2011, quando a Sol Linha Aéreas operou entre os meses de agosto e outubro, com voos diários de Toledo à Umuarama e Toledo à Curitiba, no entanto o serviço não durou muito e logo foi suspenso por problemas operacionais da empresa.

Em 2019 o Aeroporto voltou a operar para voos comerciais através da Azul Linhas Aéreas, com voos de Toledo a Curitiba e com o trajeto contrário todas as quartas-feira. Dentro de poucos meses a operação passou a ser diária com exceção dos sábados.

As informações são do ToledoNews