ad

[dropcap color=”#dd3333″]O[/dropcap] suspeito de matar a esposa a facadas, em Marialva, foi preso na segunda-feira (4). Davi Caldeira Brant se entregou na delegacia, com a presença de advogados e ficou detido.

O suspeito teria atingido o tórax da vítima, que estava grávida de quatro meses. O homem assumiu que matou a esposa e alegou que estava bêbado no momento das agressões. Davi afirmou que está arrependido do que fez e que, infelizmente, não é possível voltar atrás.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

O agressor e a mulher, de 34 anos, tinham uma filha e teriam terminado o relacionamento há pouco tempo. A vítima foi encontrada em uma estrada rural ferida, onde ficou sozinha até ser encontrada e levada ao Hospital Universitário de Maringá (HU). Ela não sobreviveu.

Portal Guaíra com informações do Massa News