ad

As apreensões de mercadorias e veículos realizadas no ano de 2012 pela Delegacia da Receita Federal do Brasil em Foz do Iguaçu somaram US$ 105,4 milhões (aproximadamente R$ 214 milhões), valor que é 26% menor que o registrado no ano anterior, quando as apreensões foram de US$ 142,6 milhões. Os números foram divulgados nesta quinta-feira (10) pela assessoria do órgão.

Os números apresentados englobam também as mercadorias recebidas de outras instituições que atuam no combate ao contrabando e descaminho nesta região fronteiriça. A cifra compreende as apreensões realizadas no âmbito de toda a jurisdição da delegacia, que se estende desde Foz do Iguaçu até Guaíra (PR), abrangendo toda a região lindeira ao lago de Itaipu (fronteira do Estado do Paraná com o Paraguai).

Com relação à composição das apreensões, os veículos representaram, em todos os meses de 2012, o item com maior peso no valor total das apreensões. Foram apreendidas 3.466 unidades no ano (entre automóveis, utilitários, ônibus, caminhões, motocicletas e barcos), perfazendo o valor de US$ 39 milhões, valor que evidencia uma redução de 18% em relação ao registrado em 2011.

O item que apresentou o maior decréscimo no respectivo valor foram os eletrônicos, com apreensões de US$ 20,4 milhões em 2012, cifra esta que é 44% menor que a registrada em 2011 (US$ 36,4 milhões).

Apesar da queda das apreensões em geral, os cigarros tiveram um incremento de 10% nas apreensões em 2012 (US$ 14 milhões), se comparadas com o ano anterior (12,6 milhões).


CLINICA SALUTAR