O presidente do Bahia Marcelo Guimarães Filho aproveitou a entrevista coletiva desta quarta-feira, na qual analisou os seus três anos a frente do clube, para reclamar da diferença entre as cotas de televisão dos times do primeiro e do segundo escalão do futebol brasileiro.

Segundo Marcelo, os R$ 30 milhões que o Bahia recebe aproximadamente não são compatíveis com o tamanho da marca. Ele disse que o clube precisa subir um degrau na arrecadação e ainda afirmou que o Tricolor não deve nada ao Botafogo:

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

– Não devemos em nada ao Botafogo (que recebe entre R$ 40 e 60 milhões), quando se trata de marca, torcida ou patrimônio, Nós temos um estudo, que nós contratamos, mostrando isso. Nós, hoje, temos portas abertas com todos. Por isso vamos lutar para botar o Bahia no grupo que achamos coerente.

Fonte: Lancenet