Moça teria contado com a ajuda do namorado para esconder o corpo (foto: Diário dos Campos/Divulgação)

Policiais de Ponta Grossa/PR se assustaram com a frieza de uma garota de 16 anos ao contar como matou a própria mãe com golpes de tesoura, jogou o corpo dentro de uma fossa e continuou morando na mesma casa.

Fazia duas semanas que a mulher de 47 anos estava ‘desaparecida’ quando a Polícia Militar recebeu uma informação importante pelo Disk Denúncia 181 e foi até a casa em que ela vivia com a filha de 16 anos, na Vila Dalabona, em Ponta Grossa. Ao perguntar pela mulher, a garota disse aos policiais que ela estava desaparecida fazia 15 dias.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Mas, os PMs pediram à garota e ao namorado dela que os acompanhassem até os fundos do quintal, onde solicitaram que abrissem a fossa. Neste momento, o rapaz se apavorou e admitiu que a garota tinha assassinado a mãe e que ele a ajudara a dar fim ao corpo. O corpo foi enrolado em um tapete pela própria filha e jogado dentro da fossa.

A adolescente foi apreendida e o cúmplice está preso na 13ª Subdivisão Policial de Ponta Grossa.

Moça teria contado com a ajuda do namorado para esconder o corpo (foto: Diário dos Campos/Divulgação)
Moça teria contado com a ajuda do namorado para esconder o corpo (foto: Diário dos Campos/Divulgação)

Portal Guaíra com informações da CGN/O Diario