A polícia federal de Mato Grosso do Sul fez mais uma grande apreensão de drogas. Desta vez oram 100 quilos de cocaína. A apreensão ocorreu na rodovia MS-060, que liga Sidrolândia a Campo Grande.

A PF interceptou uma carreta dirigida por um motorista residente na cidade de Ponta Porã e, durante a vistoria, encontrou um fundo falso na carroceria do veículo. Indagado, o motorista afirmou que utilizava o compartimento para contrabandear aparelhos celulares do Paraguai para o Brasil, mas que nessa ocasião não estava transportando nada de ilícito. Disse ainda já ter sido preso em 2011 por contrabando de cigarros.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

cocaina-ms

Diante de fundadas suspeitas, os policiais resolveram levar a carreta para sede da PF em Campo Grande, onde após minuciosa busca, inclusive com auxílio de cão farejador, encontraram 100 tabletes contendo cocaína ocultados numa peça cilíndrica – “bujão de ar” – da carreta.

Durante o depoimento, o motorista disse ter sido contratado por uma pessoa em Ponta Porã, fronteira com o Paraguai, para transportar a droga até a cidade de Cuiabá, capital do Mato Grosso, onde entregaria a uma pessoa que faria contato com o mesmo em um posto de combustível na entrada da cidade.

Entretanto, o motorista não informou dados sobre o contratante e do destinatário que pudessem ajudar a polícia na identificação.

O motorista foi autuado em flagrante pelo crime de tráfico de drogas, podendo ser condenado até 15 anos de prisão.

Com informações de Dourados News