Foto: Lucas Lima

[dropcap color=”#dd3333″]U[/dropcap]m motivo banal resultou em um duplo homicídio em uma fazenda localizada na Estrada Vermelha, no Cedro, distrito de Perobal, na tarde de terça-feira (19). Uma mulher e o filho, de seis anos, foram mortos a facadas.

Detida, uma mulher confessou a autoria. Ela disse ter saído de casa com a intenção de matar o esposo da vítima, por este comumente tirar sarro de seu companheiro. Ambas residem e trabalham na propriedade.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Na casa da colega de trabalho, como não encontrou seu alvo, acabou matando a mulher, com dois golpes no peito, e posteriormente a criança, que estava no quarto. As vítimas tiveram os pescoços cortados.

Antes de confessar, a autora dos homicídios tentou convencer os policiais de que os crimes teriam sido praticados por dois assaltantes e que inclusive teria entrado em luta corporal com um deles. Mas com a apreensão da faca a versão caiu ‘por terra’.

“Ela diz que tem transtorno bipolar, mas isso é algo que será apurado no decorrer do processo”, disse o delegado Fernando Ernando Martins, que ressaltou o fato de a autora ter demonstrado frieza o tempo todo.

Os corpos foram recolhidos ao IML de Umuarama.

Portal Guaíra com informações do OBemdito