Uma travesti foi assassinada a tiros em São Pedro do Ivaí, no norte do Paraná, no sábado (3). A Polícia Civil suspeita que o crime tenha sido praticado por vingança de um cliente.

De acordo com a Polícia Civil, Nathalia Leticia Barbosa da Fonseca, de 26 anos, estava na calçada quando dois homens chegaram em um carro a atiraram várias vezes contra ela. A travesti morreu no local do crime. Antes de fugir, os suspeitos ainda agrediram uma testemunha com socos.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Conforme o delegado Gustavo Pinho, que cuida do caso, um dos suspeitos já foi identificado. Conforme as investigações, horas antes do crime, este suspeito procurou a Polícia Militar (PM) e registrou um boletim de ocorrências contra a travesti.

No relato, diz que a travesti teria danificado o carro dele, jogando pedras no veículo e quebrando o para-brisas. Além disso, o homem afirmou que ele e a família estavam sendo ameaçados por Nathália.

A Polícia Civil diz que a travesti estava tentando extorquir os clientes, ameaçando divulgar as informações nas redes sociais.

A Polícia Civil de Jandaia do Sul continua investigando o caso. Até a última atualização desta reportagem, ninguém tinha sido preso.

Portal Guaíra com informações do G1