A queda do avião monomotor, que matou quatro pessoas de uma família de Goioerê, pode ter sido provocada por um temporal que se formou na região de Roncador por volta das 7h da manhã da segunda-feira (28), quando aconteceu o acidente.

O avião decolou de Goioerê por volta das 6h30min (horário em que uma das filhas publicou uma foto em uma rede social) com destino a Guaratuba, com previsão de chegada às 9h.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

A aeronave estava em condições normais para voo e, conforme o RAB (Registro Aeronáutico Brasileiro), foi comprada em setembro deste ano e estava em nome de Valdecy Cruzeiro.

IML

Os corpos das quatro vítimas foram encaminhados para o Instituto Médico-Legal de Guarapuava e somente no fim da tarde desta terça-feira (29) deve chegar a Goioerê.

As vítimas

Faleceram no acidente Valdecy Cruzeiro, tinha 65 anos, era empresário e estava pilotando o avião; Luciana Brito Cruzeiro, também empresária, a dentista Beatriz Brito Cruzeiro, tinha 23 anos; e Júlia Brito Cruzeiro, tinha 18 anos e era estudante de odontologia.

Portal Guaíra com informações do GoioNews