Unioeste, Campus Marechal Rondon

Servidores da Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste) e do Hospital Universitário (HU) decidiram manter a greve durante assembleia realizada na tarde de segunda-feira (4), em Cascavel.

Os trabalhadores ligados ao Sindicato de Docentes da Unioeste entraram em greve no dia 22, e os servidores do Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimentos do Ensino Superior do Oeste do Paraná, no dia 24 de abril.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Os trabalhadores pedem a anulação da Lei 18.469/2015, que alterou a ParanaPrevidência.

A medida transfere 33.556 beneficiários com 73 anos ou mais do Fundo Financeiro para o Previdenciário.

O Fundo Financeiro é bancado pelo governo estadual e o Previdenciário é composto por contribuições dos servidores estaduais.

Unioeste, Campus Marechal Rondon
Unioeste, Campus Marechal Rondon

Portal Guaíra com informações do G1