Assessor especial de Assuntos Fundiários, Hamilton Serighelli (foto: Pedro Ribas/ANPr)

O Governo do Estado indicou uma servidora para acompanhar o processo de demarcação da terra indígena Tekoha Guasu Guavirá, localizada entre os municípios de Guaíra e Terra Roxa, no Oeste do Paraná.

Em 2014, a Assessoria Especial de Assuntos Fundiários do governo estadual indicou à Fundação Nacional do Índio (Funai) o nome da servidora Viviane Bergman Bley para participar da comissão de demarcação e contribuir para que o processo se dê com transparência e diálogo entre indígenas e produtores rurais. No último dia 22 de julho, a Funai confirmou sua participação.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

A delimitação da terra indígena Tekoha Guasu Guavirá, onde vivem cerca de 2 mil guaranis, foi autorizada em 2009 pela Presidência da República. O cronograma do processo demarcatório, porém, ainda não foi definido pela Funai.

O assessor especial para Assuntos Fundiários, Hamilton Serighelli, explicou que a participação de um servidor público estadual na comissão de demarcação é uma aspiração antiga, tanto de lideranças indígenas como dos produtores.

“Isso vai garantir que todos terão informações sobre o processo, sem que ninguém seja pego de surpresa”, disse ele. “O Governo do Estado quer ajudar a resolver a questão com menos conflito possível. No caso de divergências, teremos uma mesa de negociação para que encontremos uma solução com tranquilidade”, afirmou Serigheli.

Assessor especial de Assuntos Fundiários, Hamilton Serighelli.Curitiba, 13/07/2015. Foto: Pedro Ribas/ANPr
Assessor especial de Assuntos Fundiários, Hamilton Serighelli

Portal Guaíra com informações Agência Estadual de Notícias