A professora de educação física Eliane Pedrina Henriques, 40, foi encontrada morta em Mandaguari, na região de Maringá.

A principal hipótese em investigação é de que ela foi assassinada. O suspeito de cometer o crime fugiu com o carro da professora e se envolveu em um acidente e morreu, momentos após o crime, ainda nesta madrugada de quinta-feira.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

O corpo de Eliane foi encontrado na Estrada Rochedo, nas proximidades da empresa Aurora, conforme a imprensa local. O suposto autor do crime teria matado a professora e abandonado seu corpo na estrada, em seguida fugiu com um Fiat Argo que pertencia à vítima.

Minutos depois, na região Vale do Ivaí, em uma rodovia que fica na saída de Bom Sucesso para Itambé, bateu de frente contra um caminhão com placa de Maringá e veio a óbito no local, por volta de 01h30.

Ainda na cena do acidente, as autoridades descobriram que o carro pertencia a Eliane após encontrarem uma bolsa com documentos pessoais e outros objetos da professora. Em um primeiro momento as autoridades pensaram que ela poderia estar no automóvel, porém começaram a investigar a hipótese de homicídio após encontrarem uma faca ensanguentada no Fiat Argo.

Diante disso, começaram as buscas pelo corpo da professora. O corpo foi recolhido pelo Instituto Médico Legal (IML) de Maringá, e a Polícia Civil apura todos os detalhes do caso.

Portal Guaíra com informações do Plantão Maringá