O professor Laurindo Panucci Filho foi condenado a 21 anos e quatro meses de prisão por homicídio triplamente qualificado, acusado de ter matado o diretor da Universidade Estadual do Norte do Paraná (Uenp), Sérgio Roberto Ferreira, de 60 anos. O julgamento no Tribunal do Júri começou na manhã de quinta-feira (11) e terminou na noite do mesmo dia, no Fórum de Cornélio Procópio.

O crime foi registrado em 20 de dezembro de 2018, no gabinete do diretor. De acordo com o Ministério Público do Paraná (MPPR), o denunciado marcou um encontro com a vítima e a matou a golpes de machado. A motivação teria sido uma advertência da direção da universidade recebida por Laurindo.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

O MPPR sustentou em plenário a tese de homicídio triplamente qualificado – uso de meio cruel, motivo fútil e meio que dificultou a defesa da vítima –, o que foi plenamente acolhido pelo conselho de sentença. O réu está preso desde a época do crime e segue detido. Cabe recurso da decisão.

Portal Guaíra com informações da Ric Mais