Na quinta-feira (15), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) lançou a 12ª edição da Operação Rodovida, que vai dos dias 15 de dezembro e 26 de fevereiro. O evento que marcou o lançamento da operação no estado foi realizado em conjunto com os órgãos de trânsito estaduais e municipais, no cruzamento da Linha Verde (BR-476) com a Av. Sen. Salgado Filho, em Curitiba (PR).

O período que compreende as festas de Natal, Ano Novo e Carnaval é marcado pelo aumento do fluxo de veículos pelas rodovias federais para os mais diversos destinos. A estratégia da PRF durante esse período é garantir a segurança viária, o conforto e a fluidez do trânsito.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Durante a Operação, serão desenvolvidas ações integradas e conjuntas, envolvendo os diversos entes governamentais e da sociedade civil relacionados com a segurança no trânsito, com atuação simultânea, coordenada e sistêmica a fim de somar forças para reduzir a violência no trânsito e os custos sociais dela decorrentes.

Com ações como esta, a PRF tem o intuito de ampliar a fiscalização, aumentar a presença e a disponibilidade dos policiais nas estradas e rodovias, em locais e horários com maior concentração de registros de acidentes. Serão feitas atividades de educação e fiscalização de trânsito, voltadas para as condutas de risco dos condutores e passageiros, como: ultrapassagem indevida, embriaguez ao volante, não utilização do cinto de segurança, transporte inadequado de crianças, falta de uso do capacete, excesso de velocidade e utilização do telefone celular durante a condução de veículos.

Além disso, estão previstas ações temáticas sobre as principais causas de acidentes graves, bem como ações de educação para o trânsito, que promovam a criação de um sentimento de empatia pelos demais usuários da rodovia. A ideia é sensibilizar cada um dos atores do trânsito a respeito do seu papel, das suas obrigações e os cuidados necessários para proteger a vida.

O Rodovida é um programa que visa a preservação de vidas, com a essência daquilo que a instituição acredita: nenhuma morte no trânsito é aceitável e todos compartilham a responsabilidade de evitá-la.

Portal Guaíra com informações da PRF