A Polícia Civil prendeu um homem acusado de estuprar e engravidar a própria enteada, uma garota de 13 anos de idade. O crime ocorreu na cidade de Campina da Lagoa. A Justiça havia decretado a prisão preventiva dele e a equipe de investigação da delegacia cumpriu o mandado.

De acordo com as investigações, o homem abusou sexualmente da enteada de forma sistemática, aproveitando-se de momentos a sós com a vítima, quando sua mãe saía de casa. Após sofrer os abusos por diversas vezes, a adolescente acabou engravidando. Ela está na 32ª semana de gestação.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Diante da gravidade do caso, a Polícia Civil representou ao Judiciário pela prisão preventiva do estuprador. Ele, inclusive, já havia sido preso em 2018 pela prática do mesmo crime. Mesmo com o deferimento do pedido, o mandado só foi cumprido ontem, tendo em vista que o suspeito estava foragido há mais de semanas.

A vítima foi encaminhada à rede de proteção do município de Nova Cantu e está sob acompanhamento. O criminoso permanece preso, à disposição da Justiça. Deverá ser indiciado pelo crime de estupro de vulnerável.

Portal Guaíra com informações do Tribuna do Interior