Uma mulher, de 31 anos, foi morta a tiros pelo ex-companheiro durante uma festa em União da Vitória, no sul do Paraná, na noite de sábado (14), de acordo com a Polícia Civil. O suspeito, de 37 anos, se matou depois de balear a mulher, informou a polícia.

O crime aconteceu na antiga Estação Ferroviária de União da Vitória, na Festa do Dia do Gaúcho. Segundo a polícia, a mulher levou quatro tiros – nas costas e na nuca. Ela chegou a ser socorrida, mas morreu no hospital.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

A Polícia Militar (PM) informou que uma pistola foi encontrada ao lado do corpo do suspeito. Outro revólver, também do homem, foi entregue aos policiais por pessoas que estavam na festa. Conforme a polícia, a arma tinha caído.

De acordo com a Polícia Civil, em agosto um revólver do suspeito foi apreendido depois de uma denúncia da mulher, que tinha medida protetiva contra o ex-companheiro. Ela deixou três filhos.

O carro do suspeito também foi apreendido. Dentro do veículo, segundo a polícia, foram encontrados projéteis intactos.

Portal Guaíra com informações do G1