ad

O Ministério Público do Paraná (MP-PR) denunciou um casal suspeito de assediar adolescentes em Faxinal, no norte do Paraná, pelo crime de exploração sexual na terça-feira (2).

Conforme a denúncia, eles atraiam as meninas, todas de famílias carentes, com a promessa de trabalhar em um hotel, mas assediavam as garotas.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

O caso foi descoberto depois de uma menor, de 14 anos, denunciar o caso ao Conselho Tutelar.

Os conselheiros chegaram a duvidar da história da adolescente, mas durante o depoimento ela recebeu uma ligação da mulher investigada. Na ligação, a mulher deu a entender que a jovem e outras adolescentes eram assediadas. A ligação foi gravada e repassada à Polícia Civil.

O Conselho Tutelar detalha que antes das adolescentes trabalharem no hotel, o casal ia até a casa delas e pedia autorização para os pais. Sem desconfiar dos suspeitos, os pais autorizavam e as meninas passavam a trabalhar no local.

O MP-PR identificou que pelo menos 16 adolescentes foram vítimas do casal, que era proprietários de um hotel. Conforme a promotoria, os suspeitos ofereciam dinheiro, presentes e viagens para as jovens com o intuito de “satisfazer a vontade do casal”.

O homem e a mulher estão presos desde maio em Faxina.

Portal Guaíra com informações da RPC