ad

[dropcap color=”#eeee22″]A[/dropcap]pós ser aprovada na Assembléia Legislativa do Paraná, a proposta que prevê o pagamento da manutenção das tornozeleiras eletrônicas por parte dos presos já foi sancionada pelo Governador.

A partir de agora, as despesas do aparelho são de responsabilidade do apenado. Somente aqueles que não possuem condições de arcar com os valores terão o equipamento e os gastos cedidos pelo Estado.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Vale lembrar que, mesmo com as despesas pagas pelo preso, no final da pena o equipamento volta para o poder do Estado, já que o beneficiado não pagou pela compra e sim pela manutenção.

Portal Guaíra com informações da Catve