O delegado Nasser Salmen, investiga a morte do menino de 3 anos morto pela própria mãe no final da tarde de terça-feira (29) em Curitiba. A mulher ainda não prestou depoimento pois está no hospital com ferimentos no pulso, provocados durante tentativa de suicídio logo após o crime.

“Estou aguardando a chegada dela após o tratamento no hospital e depois com o depoimento, se é que ela vai dizer alguma coisa, nós vamos conseguir mais detalhes do caso”, comentou o delegado.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

O corpo do menino estava em um matagal às margens da BR-277, no km 102, entre a capital e Campo Largo, na Região Metropolitana. As primeiras informações indicam que a morte ocorreu por asfixia, mas apenas o laudo do IML (Instituto Médico-Legal) deve atestar a causa oficial.

A morte do menino ainda é um mistério para a Polícia Civil, desde a motivação do crime até como ocorreu os fatos, são questões que deverão ser respondidas pela investigação que ainda está em fase inicial.

A mulher está no hospital sob custódia da polícia e assim que receber a alta médica, será encaminhada para a Central de Flagrantes, onde vai prestar o depoimento. O pai do menino ainda não prestou depoimento por estar em estado de choque.

Portal Guaíra com informações da Catve