Foto: Plantão Maringá

Um homem de 35 anos sob escolta da Polícia Militar foi levado até uma Unidade Hospitalar, pelo motivo de tentar matar a ex-companheira na noite de sábado (12), na residência da vítima que fica localizada, na Rua Ana Neri, no Jardim Ana Eliza, em Sarandi.

A vítima estava em casa na companhia do namorado, quando foi surpreendida pelo ex-companheiro que não aceita o fim do relacionamento.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Após uma breve discussão entre os dois, o homem foi até o veículo e pegou um facão. Na sequência o ex-namorado agrediu a mulher em um dos braços. O golpe foi tão violento que por pouco a mulher não teve o braço decepado.

O agressor fugiu, porém minutos depois a polícia tomou conhecimento que o homem se encontrava em um bar situado na Avenida Cuiabá, pedindo ajuda. Pois apresentava ferimento no pescoço possivelmente causado por algum objeto cortante.

De acordo com informações repassadas para a Polícia Militar, o atual namorado feriu o agressor ao ver a namorada machucada.

A mulher agredida foi encaminhada ao UPA – Unidade de Pronto Atendimento e o agressor levado ao Hospital Metropolitano. De acordo com o Delegado Dr. Adriano Garcia, assim que ele tomou conhecimento do caso, enviou uma equipe de investigadores ao local, e determinou que assim que receber alta médica, o agressor seja conduzido até a Delegacia de Polícia Civil.

O homem será autuado pela autoridade policial, pelo crime de tentativa de homicídio.

Na última sexta-feira (11) a mulher compareceu na delegacia e registrou um boletim de ocorrência contra o ex. A mulher estava amparada com a medida protetiva que foi desrespeitada pelo agressor.

Segundo a ex-mulher do agressor, por inúmeras vezes ele desferiu ameaças contra ela e o atual namorado.

Portal Guaíra com informações do Plantão Maringá