Um homem foi preso em flagrante na cidade de Fazenda Rio Grande, na Região Metropolitana de Curitiba, suspeito de cárcere privado, injuria e violência domestica. De acordo com a Guara Municipal, as vítimas eram uma mulher de 22 anos, grávida de cinco meses, e o filho dela de cinco anos.

A prisão ocorreu na sexta-feira (23), quando a Guarda Municipal acompanhou o Conselho Tutelar na verificação de uma denúncia de violência doméstica. “A equipe constatou situações precárias, desumanas”, relatou.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Ainda conforme a Guarda Municipal a vítima disse que era mantida em cárcere por, aproximadamente, três anos – período em que iniciou um relacionamento com o suspeito.

A mulher disse também que o filho dele também era alvo de violência por parte do suspeito.

O agente Jean Carlo de Lima afirmou que o suspeito não impediu a entrada dos guardas na casa, e a Polícia Civil abriu um inquérito para investigar o caso.

Portal Guaíra com informações do G1