Um homem foi condenado a 40 anos e 18 dias de prisão em regime fechado por matar a ex-namorada na frente dos filhos em Antonina, no litoral do Paraná. Ele foi considerado culpado pelos crimes de homicídio qualificado, por motivo fútil, feminicídio e tentativa de homicídio.

O caso aconteceu em 26 de julho de 2021. José Carlos do Santos, de 42 anos, entrou na casa da vítima e atirou contra ela, além de também tentar matar o então companheiro dela, que conseguiu fugir, quando eles estavam no sofá com os quatro filhos da vítima.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

As crianças eram fruto do relacionamento de 11 anos com o condenado.

No julgamento, os jurados também condenaram o acusado por deteriorar coisa alheia. Conforme o Ministério Público do Paraná (MP-PR), José quebrou o carro do namorado da mulher a pedradas e chutes.

Ele estava preso preventivamente e vai permanecer no local pois, na sentença, o juiz determinou que ele não pode recorrer em liberdade.

Portal Guaíra com informações do G1