Um homem foi preso no domingo (25), após agredir e manter a esposa em cárcere de privado dentro de um veículo no Bairro Morro Alto, em Mangueirinha.

Segundo informações, a Polícia Militar (PM) recebeu a denuncia de que um homem havia esfaqueado a esposa e posteriormente obrigado ela a entrar em um carro.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Quando a PM encontrou o veículo Gol de cor prata, viu que haviam três pessoas, um homem, uma mulher de 40 anos e uma criança de 5 anos. Quando a vítima visualizou a viatura, conseguiu sair do carro e correu em direção aos policiais.

Ela estava de pés descalço, nervosa e apresentando um corte profundo na mão esquerda. A vítima relatou para a polícia que teria sido agredida pelo companheiro em, e logo após, sobre ameaça de morte, foi obrigada a entrar no veículo juntamente com a filha de 05 anos, onde foi levada e mantida em cárcere privado por aproximadamente uma hora, longe da sua residência. A mulher ainda contou que ela e a filha eram ameaçadas de morte constantemente.

O autor das agressões, 29 anos, que estava armado com uma faca e um facão confirmou os fatos.

No painel do veículo, próximo ao volante, encontraram uma faca e um facão. A equipe PM deslocou até a residência do casal, onde encontrou um adolescente de 17 anos, irmão da vítima, o qual teve ferimentos superficiais no pescoço e costas, provocado por golpe de faca, desferido pelo próprio cunhado, após tentar defender a irmã das agressões.

O suspeito da violência recebeu voz de prisão e foi encaminhado junto com as vítimas e armas do crime para a delegacia. A mulher também foi encaminhada ao hospital de Mangueirinha, onde recebeu atendimento médico.

Portal Guaíra com informações da Catve