Uma mulher ficou gravemente ferida após ter o rosto queimado pelo próprio marido em Apucarana. Ele teria jogado gasolina na mulher e tentado trancá-la em um banheiro na casa, que fica no Conjunto Sumatra. Além disso, o socorro só foi acionado mais de 12 horas depois.

De acordo com a filha do casal, o pai havia chegado em casa bêbado na noite de sexta-feira (19). Após discutir com a mulher, ele pegou uma garrafa de gasolina, jogou no rosto dela e ateou fogo. A mulher correu para o banheiro e conseguiu apagar as chamas com uma toalha.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

O homem ainda segurou a porta para evitar que a mulher saísse do banheiro e também ameaçou a filha. Só no dia seguinte, por volta das 13h, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado. Devido à gravidade dos ferimentos, ela foi levada diretamente para o Hospital da Providência, em Apucarana, e poderá ficar com sequelas.

No trajeto para o hospital, o SAMU informou do ocorrido para a Polícia Militar (PM), que foi até a casa e prendeu o homem em flagrante. Os policiais encontraram a garrafa com gasolina e o isqueiro utilizados no crime.

Portal Guaíra com informações do Ric Mais