(foto: Carlos Gurjão/Portal Guaíra)

ad

A APP Sindicato marcou para a próxima terça-feira (9) uma assembleia que pode pôr fim à paralisação na rede estadual de ensino, que já dura mais de um mês. Mas a categoria ainda espera que o Governo cancele os descontos dos dias parados.

A assembleia será na próxima terça-feira (9), pela manhã, em local que ainda será definido. A categoria vai debater a nova proposta de aumento salarial apresentada pelos deputados, com aval do governador Beto Richa, e também o andamento da greve, que já dura mais de um mês.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Para aceitar a proposta e encerrar a paralisação, a APP Sindicato já adiantou que o Governo não pode aplicar qualquer tipo de punição aos professores, como lançamento de faltas, descontos, ou processos administrativos.

Mas a folha de pagamento de junho de alguns trabalhadores já deve vir com descontos referentes a quatro dias parados no mês de abril. A informação foi passada pela secretária da Educação, Ana Seres, durante uma reunião com a APP. Segundo Hermes Leão, presidente do sindicato, o desconto cria um impasse para o fim da greve.

Durante a reunião, Ana Seres explicou que não há mais tempo hábil para retirar os descontos da folha de junho. Apesar de ainda não ter uma decisão sobre o assunto, Hermes Leão diz que a secretária garantiu a suspensão de outras punições aos professores – atendendo as reivindicações da categoria.

O Governo do Estado informou que, na próxima semana, a secretária de Educação vai se reunir com os chefes dos núcleos regionais para discutir os descontos.

Portal Guaíra com informações do Portal Paraná