Mais cinco nomes que vão ocupar o primeiro escalão do Governo do Paraná neste novo mandato foram anunciados na quarta-feira (4) pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior, que também confirmou quem ficará na subchefia da Casa Civil. Com isso, já foram anunciados os ocupantes de 30 secretarias, empresas públicas e órgãos da administração pública estadual que participarão da gestão pelos próximos quatro anos.

O deputado estadual Mauro Moraes estará à frente da recém-criada Secretaria de Estado do Trabalho, Qualificação e Renda, desmembramento da antiga Secretaria de Estado da Justiça, Família e Trabalho. Dando continuidade à gestão, Luiz Fernando Garcia permanecerá na presidência da Portos do Paraná e Adriano Furtado na diretoria-geral do Detran.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

O diretor-presidente da Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba (Comec), Gilson Santos, vai assumir a nova Agência de Assuntos Metropolitanos (Amep), que além da Capital, vai atender as demais regiões metropolitanas, aglomerações urbanas e regiões integradas do Paraná.

A novidade é o comando da Celepar. Andre Gustavo Garbosa, que foi diretor de Tecnologia da Informação da antiga Secretaria de Estado da Educação e do Esporte (SEED), vai assumir a diretoria-geral da companhia. Já o subchefe da Casa Civil será Lúcio Mauro Tasso, que era diretor-geral da antiga Secretaria de Estado do Desenvolvimento Urbanos e de Obras Públicas (SEDU).

Trabalho, Qualificação e Renda

A Secretaria de Trabalho, Qualificação e Renda é um desmembramento da Secretaria da Justiça, Família e Trabalho. Ela será responsável pelos programas de qualificação profissional em andamento, como as Carretas do Conhecimento e o Cartão Futuro, e pelas Agências do Trabalhador nos municípios. O Paraná tem a maior e melhor rede de encaminhamento para o mercado de trabalho do Brasil e a expectativa é de formatar programas ainda mais sólidos.

Sob o comando de Mauro Moraes, a pasta também atuará com foco na economia solidária, uma tendência mundial, no gerenciamento dos recursos do Fundo de Apoio ao Trabalho, em políticas voltadas à inserção das pessoas com deficiência, egressos do sistema penal, população de rua ou em condições de vulnerabilidade social no mercado de trabalho. Além disso, coordenará a oferta de microcrédito ao trabalhador empreendedor, em parceria com a Fomento Paraná.

O Paraná vive momento sólido no setor. No terceiro trimestre de 2022 (último dado divulgado), a taxa de desemprego era de 5,3%, menor dos últimos oito anos e mais de três pontos percentuais abaixo da média nacional, que ficou em 8,7%.

Natural de Tomazina, no Norte Pioneiro, Moraes é formado em Direito e pós-graduado em Administração de Empresas. Ele começou na vida pública em 1982, quando venceu sua primeira candidatura a vereador de Curitiba. Após ficar por 20 anos no Legislativo municipal, ele foi eleito deputado estadual em 2002 e estava na Assembleia até a última Legislatura.

Amep

A Agência de Assuntos Metropolitanos do Paraná, que dará lugar à Comec, será responsável pela implementação da política de desenvolvimento urbano no Paraná, com foco nos municípios conglomerados nas oito regiões metropolitanas do Estado: Curitiba, Londrina, Maringá, Cascavel, Apucarana, Campo Mourão, Toledo e Umuarama.

A autarquia ficará vinculada à Secretaria de Estado das Cidades (antiga SEDU) e tem entre suas atribuições a implantação, no Estado, do Estatuto da Metrópole, contribuindo com o desenvolvimento ordenado e sustentável das cidades paranaenses. Além disso, também será responsável pela execução de projetos e obras nesses territórios e a proposição de normas, diretrizes e critérios para compatibilizar os planos diretores dos municípios integrantes das regiões metropolitanas com o Plano Diretor de Desenvolvimento Integrado.

Diretor-presidente da Comec nos primeiros quatro anos do governo Ratinho Junior, Gilson Santos vai assumir a Amep, sendo responsável pela coordenação da transição de um órgão para o outro, após a extinção da Comec e a efetiva operacionalização das atividades da nova agência.

Santos é formado em Comunicação Social e pós-graduado em Ciências Políticas pela Universidade Federal do Paraná (UFPR) e Planejamento Urbano pela Unyleya. Foi secretário-executivo da Associação dos Municípios da Região Suleste (Amsulep), secretário de gabinete nas prefeituras de Piên, Lapa, Mandirituba e Curitiba e assessor na Câmara Federal e na Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep).

Celepar

Nesta nova gestão, a Companhia de Tecnologia da Informação e Comunicação do Paraná (Celepar) vai trabalhar em parceria com a recém-criada Secretaria da Inovação, Modernização e Transformação Digital para ampliar o ecossistema de inovação e a estrutura tecnológica do Paraná, com foco em novos serviços para a população, proteção de dados, internet das coisas (IoT) e inteligência artificial.

Formado em Ciências da Computação, com mestrado em Redes e Telecomunicações na Europa, o novo diretor-presidente da Celepar, Andre Gustavo Garbosa, esteve por dois anos à frente da Diretoria de Tecnologia da SEED, seu primeiro cargo público. Antes disso, foi Arquiteto de Soluções e gerente de tecnologia da Eletrolux durante sete anos e engenheiro de software e arquiteto de sistemas em Portugal.

Garbosa foi responsável pela implantação da estrutura digital que fez com que o Paraná se tornasse referência no uso de tecnologias na educação. Ele lançou as principais plataformas da pasta, como o aplicativo de redação, modernizou a infraestrutura das escolas, criando a maior rede educacional da América Latina, e também elaborou o programa Robótica Paraná, que está preparando os estudantes para as profissões do futuro.

Portos do Paraná

Dona da melhor gestão portuária do País, reconhecida nos últimos três anos pelo então Ministério da Infraestrutura, a empresa pública Portos do Paraná continuará sob a gestão de Luiz Fernando Garcia, que comandou os portos de Paranaguá e Antonina nos últimos quatro anos. A previsão é avançar nos projetos de modernização e aumento de capacidade dos terminais paranaenses, como a construção do Cais Leste do Porto de Paranaguá (Moegão) e os arrendamentos de áreas.

Os portos do Paraná fecharam o período de janeiro a novembro do ano passado com uma movimentação acumulada de 54.014.368 toneladas (recorde histórico).

Profissional com atuação intensa nas esferas da administração pública e no planejamento dos projetos portuários, Garcia é graduado em Economia pela Universidade Federal do Paraná, com máster em Logística e Gestão Portuária pela Fundación Valenciaport e pela Universidade Politécnica de Valência, na Espanha. Antes de assumir a Portos do Paraná, foi diretor-presidente da Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp); assessor especial do Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil; e secretário nacional de políticas portuárias no Governo Federal.

Detran

À frente do Departamento de Trânsito do Paraná (Detran-PR) desde o ano passado, Adriano Furtado dará continuidade aos projetos de modernização do órgão, incluindo novas tecnologias para melhorar o atendimento aos condutores e proprietários de veículos e ações educativas para o trânsito.

Também atuará nas concessões dos pátios veiculares, o que ajudará a modernizar os serviços de remoção, guarda e liberação de veículos apreendidos pelo órgão autuador em todos os municípios do Estado, com mais qualidade e praticidade ao cidadão paranaense, o que também trará economia aos cofres públicos.

Policial Rodoviário Federal desde 1994, foi diretor-geral da PRF entre 2019 e 2020. É graduado em Direito e Administração de Empresas, tem curso superior em Política e Estratégia pela Escola Superior de Guerra e é especialista em Trânsito pela PUC PR.

Subchefia da casa civil

Nome de confiança do governador Ratinho Junior, o novo subchefe da Casa Civil, Lúcio Mauro Tasso, será responsável pela articulação do Governo do Estado com prefeitos, deputados e senadores, além de atuar junto ao Legislativo, Judiciário e demais esferas da administração pública ao lado de João Carlos Ortega.

Natural de Jandaia do Sul, no Vale do Ivaí, Tasso acompanha Ratinho Junior desde a sua primeira candidatura ao cargo de deputado estadual, em 2002. Também foi assessor parlamentar em seu mandato na Câmara Federal, até o ano de 2013. Naquele ano, assumiu a assessoria especial da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e de Obras Públicas, onde também ocupou o cargo de direção-geral até 2022.

Confira os nomes já confirmados do primeiro escalão do Paraná:

Casa Civil: João Carlos Ortega

Sub-chefe da Casa Civil: Lúcio Mauro Tasso

Administração e Previdência: Elisandro Pires Frigo

Agricultura e Abastecimento: Norberto Ortigara

Casa Militar: Sérgio Vieira Benício

Chefia de Gabinete: Darlan Scalco

Cidades: Eduardo Pimentel

Ciência, Tecnologia e Ensino Superior: Aldo Bona

Cultura: Luciana Casagrande Pereira

Desenvolvimento Social e Família: Rogério Carboni

Desenvolvimento Sustentável: Valdemar Bernardo Jorge

Educação: Roni Miranda

Esporte: Helio Wirbiski

Fazenda: Renê Garcia

Indústria, Comércio e Serviços: Ricardo Barros

Inovação, Modernização e Transformação Digital: Marcelo Rangel

Planejamento: Guto Silva

Saúde: Beto Preto

Segurança Pública: Hudson Leôncio Teixeira

Trabalho, Qualificação e Renda: Mauro Moraes

Controladoria-Geral do Estado: Raul Siqueira

Procuradoria-Geral do Estado: Leticia Ferreira da Silva

Agência de Assuntos Metropolitanos: Gilson Santos

Celepar: Andre Gustavo Garbosa

Cohapar: Jorge Lange

Compagas: Rafael Lamastra

Copel: Daniel Pimentel Slaviero

Detran: Adriano Furtado

Portos do Paraná: Luiz Fernando Garcia

Sanepar: Claudio Stabile

Portal Guaíra com informações da AEN