(Foto: Ronaldo de Oliveira / RICtv)

Fernando Bebler, 32 anos, gerente de uma empresa de calcário em Campo Largo, na região metropolitana de Curitiba, foi executado a tiros na noite de terça-feira (6), na cidade. Ele foi morto por dois homens que chegaram na empresa dizendo que queriam entregar currículos.

O crime foi na Rua João Ceccato Neto, no bairro Bateias. Conforme apuração do repórter cinematográfico Ronaldo de Oliveira, da RICtv, dois homens chegaram numa moto e pediram para deixar as referências, interessados num emprego. Quem os atendeu foi a esposa de Fernando, que disse que o assunto não era com ela e foi chamar Fernando.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Quando o gerente atendeu, os homens na moto já atiraram no rosto e no peito da vítima. Ele foi alvejado com oito tiros de pistola calibre 380.

O que chamou a atenção da polícia são os relatos de que Fernando não tem passagens pela polícia, não usa drogas, não tinha inimizades e que era uma pessoa tranquila. Com isto, a polícia ainda não tem uma linha de investigação para o crime.

Portal Guaíra com informações da Ric Mais