Três pessoas foram encaminhadas à delegacia após a Guarda Municipal de Londrina, no norte do Paraná, fechar uma festa clandestina com cerca de 200 pessoas em uma chácara, na madrugada deste sábado (30).

De acordo com a prefeitura, o evento clandestino foi realizado em uma propriedade rural localizada no distrito da Warta. Entre os participantes estavam dois adolescentes.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

A Secretaria Municipal da Fazenda emitiu três autos de infração pela realização do evento sem autorização municipal. Duas multas foram aplicadas aos organizadores da festa e uma ao proprietário da chácara.

Além das infrações, a prefeitura interditou o local por sete dias.

Alerta roxo
A fiscalização ocorreu horas depois do Centro de Operações de Emergências em Saúde Pública (Coesp) de Londrina emitir um relatório apontando que há um risco muito alto de contágio no município.

Segundo o COESP , o número de casos confirmados e de notificações para o novo coronavírus “são os maiores observados desde o início da pandemia em Londrina”.

O relatório aponta média de casos diários acima de 225 por dia, com estabilização em nível alto. Ocupação de leitos na regional próxima a 90%, na macrorregião de 91% culminando na transferência de pacientes para outras regiões.

Boletim divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde na sexta-feira (29) , apontou que 29.904 moradores de Londrina foram contaminados pelo novo coronavírus, sendo que 568 morreram por complicações da doença.