O ex-deputado estadual Luiz Fernando Ribas Carli Filho, condenado por duplo homicídio com dolo eventual, foi encaminhado para a Penitenciária Industrial de Guarapuava ainda no final da tarde desta terça-feira (28).

Carli Filho deve ficar detido no local em uma cela especial, até que o processo seja transferido para Guarapuava. Depois disso, ele deve usar tornozeleira eletrônica. O ex-deputado se entregou na Vara de Execuções Penais de Guarapuava hoje, para começar a cumprir a pena de sete anos, quatro meses, e 20 dias de prisão em regime semiaberto. Ele teve a prisão decretada na última sexta-feira (24).

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

O acidente
O ex-deputado foi condenado pelo homicídio de Gilmar Rafael Yared, de 26 anos, e Carlos Murilo de Almeida, de 20 anos. Os jovens morreram em um acidente de trânsito registrado na Avenida Monsenhor Ivo Zanlorenzi com a rua Paulo Gorski, no bairro Mossunguê, em Curitiba. O carro que o então deputado estadual conduzia, um Volkswagen Passat blindado, atingiu o Honda Fit em que as vítimas estavam. Os dois morreram na hora. Carli Filho ficou ferido e foi encaminhado para o Hospital Evangélico em estado grave.

Carli Filho dirigia em alta velocidade, com a carteira de habilitação suspensa, sob o efeito de álcool, quando bateu no veículo das vítimas, na madrugada de 7 de maio de 2009.

Portal Guaíra com informações da Rede Massa