(Foto: Colaboração/Lucas Rocha/Rede Massa)

ad

O jovem e o adolescente suspeitos pelo latrocínio contra a diarista Teresa Vidal de Lara Franco, 49, em Itaperuçu, confessaram a autoria do crime, em depoimento na delegacia de Rio Branco do Sul. A dupla invadiu o apartamento em que a vítima morava, no bairro São Domingos, para roubar um celular avaliado em R$ 280.

O delegado Rafael Bacellar, responsável pelo caso, relatou que Leonardo Gustavo Pereira dos Santos, de 22 anos, preso nesta terça (21), e um adolescente de 15 anos, apreendido na última quinta-feira (16), foram flagrados pelas câmeras de segurança do condomínio. “Os dois entraram na residência, entraram em luta corporal com a vítima e acabaram matando ela para subtrair um aparelho celular”, disse.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

A dupla usou uma faca de cozinha para assassinar a diarista, que tentou se defender. “A equipe da Polícia Civil esteve no local e permanecemos lá a madrugada inteira. A vítima apresentava lesões típica de defesa nos braços e nas mãos”, completou. Durante o depoimento, o adolescente chegou a dar risada ao lembrar que foi a um bar ‘comprar cachaça’ com o dinheiro da venda do celular.

Ambos confessaram o crime e devem responder por latrocínio. Leonardo foi encaminhado à delegacia de Rio Branco do Sul e permanece à disposição da justiça. O adolescente segue apreendido no Centro de Socioeducação (CENSE).

Portal Guaíra com informações da Rede Massa