(foto: Rosendo Duarte/ABC Color)
ad

Um grupo de aproximadamente 50 pessoas, autodenominadas de “sem teto” fecharam o acesso na fronteira entre Salto Del Guairá, no Paraguai e Mundo Novo, no Mato Grosso do Sul. Houve confronto com a Policia do país vizinho.


[dropcap color=”#dd3333″]P[/dropcap]oliciais da GEO tentam dispersar os manifestantes, porém são atacados com pedras e pedaços de madeira.

Os manifestantes invadiram o local após a prisão de um dos líderes do grupo, Pedro “Bebeto” Alfonzo, segundo a reportagem do ABC Color. Para impedir a passagem, atearam fogo em cobertores e tomaram conta da Avenida Itaipu, cerca de 100 metros da linha de fronteira que separa os dois países. Eles exigem que Alfonzo seja solto imediatamente.

Após o fechamento da avenida, vários turistas que chegavam a cidade, tiveram que retornar ao Brasil e não puderam cruzar a fronteira.

De acordo com a Policia, a prisão do Alfonzo ocorreu em uma propriedade invadida recentemente por supostos “sem teto”, por volta das 10h de hoje (3), no bairro San Miguel, conhecido como “29 de setembro”. Naquele local estão cerca de 50 pessoas acampadas, dentro de uma propriedade que pertence ao presidente da Câmara Municipal, Héctor Morán (ANR).

A prisão de Pedro Alfonzo, que trajava um uniforme camuflado e empunhava um facão, se deu quando a Juíza Marta Romero chegou ao local para verificar a invasão.

“Ele começou a ameaçar a comitiva da Policia Judiciária, incitando as pessoas que participaram da invasão, com uma enorme faca na mão, e foi então que procedemos a sua prisão”, disse o Comissário Pedro Florentín.

“Bebeto” é um conhecido comerciante e sempre está presente nas invasões de propriedades estrangeiras e se posiciona como “representante nacional e internacional” dos sem tetos e sem terras. Ainda conforme a reportagem do jornal ABC Color, ele mesmo só aparece esporádicamente e depois retorna para sua empresa, no Bairro São Pedro, no centro da cidade.

O Ministério Público analisa sua conduta, levando em consideração suas aparências repetidas nas invasões de terras estrangeiras.

Portal Guaíra com informações do ABC Color
Fotos: Rosendo Duarte/ABC Color/Didi da Master