Cinco pessoas morreram na segunda-feira (7) em um acidente com um micro-ônibus em Santana do Tapará, em Santarém, no Oeste do Pará. O micro-ônibus caiu dentre de um rio, na entrada de uma balsa no porto do DER em Santarém.

Segundo testemunhas, o veículo foi parado na entrada da balsa desengatado e sem estar com freio de mão puxado. O motorista teria descido para chamar passageiros ao embarque, momento em que o micro-ônibus desceu, bateu em um cabo de aço e em seguida caiu dentro do rio.

-------------- Notícia continua após a publicidade -------------

Não há confirmação de quantas pessoas estariam dentro do veículo no momento em submergiu. Um caminhão rebocou o micro-ônibus para fora do rio na tentativa de encontrar sobreviventes.

Quatro adultos e uma criança morreram no acidente.

Equipes da Capitania Fluvial de Santarém e da Polícia Civil foram até o local, assim como uma equipe da Defesa Civil Municipal.

Em nota, a Capitania Fluvial de Santarém, da Marinha do Brasil, informou que o acidente aconteceu por volta das 5 horas, segundo testemunhas à equipe de Inspeção Naval, e que a equipe enviada ao local está fazendo levantamento de informações “a fim de instruir eventual inquérito”.

A identificação das vítimas ainda não foi confirmada. Por volta das 09h40, o IML (Instituto Médico Leal) fez a remoção dos corpos para necropsia.

No Twitter, o governador do Pará, Helder Barbalho (MDB), lamentou o acidente e informou que as autoridades estão no local apurando os fatos. “Minha solidariedade com as vítimas e familiares. Informamos que já acionamos todos os órgãos do Estado”, disse ele.

O prefeito de Santarém, Nélio Aguiar (DEM-PA) também se pronunciou sobre o acidente nas redes sociais. “Gostaria de me solidarizar com todas as famílias e vítimas do acidente ocorrido em Santana do Tapará na segunda-feira (7), envolvendo um micro-ônibus. Nossas equipes já estão no local, prestando todo o apoio e tomando as providências cabíveis”, escreveu ele.

Portal Guaíra com informações da Band